Se você tem paixão por moda e estilo e quer ser seu próprio chefe, abrir uma loja de roupas pode ser a decisão perfeita para você. Começar um negócio requer algum pensamento e planejamento, mas o esforço vale a pena!

Seja para uma entrevista, parando na academia ou participando de um evento beneficente, os consumidores contam com roupas para vesti-los para eventos e atividades em seu dia-a-dia.

Vamos orientá-lo sobre como lançar sua própria loja de roupas, desde a decisão sobre seu público-alvo até a obtenção de financiamento para o marketing de sua empresa on-line. Para um guia completo para lançar sua boutique dos sonhos, loja de comércio eletrônico de roupas ou loja de roupas clássicas, continue lendo.

Como abrir uma loja de roupas

Como abrir uma loja de roupas
Como abrir uma loja de roupas

Qualquer um que entre em um shopping no meio de uma grande cidade pode sentir que a indústria do vestuário está lotada.

A verdade é que sempre há espaço para outra loja de roupas, principalmente se você oferecer aos consumidores algo único e novo em sua área.

Além disso, com o comércio eletrônico em alta, iniciar um negócio online também é uma opção viável para realizar seus sonhos de um negócio de roupas. No entanto, o sucesso no setor de varejo de vestuário requer motivação, trabalho duro e um plano de ação sólido.

Siga estes 11 passos para transformar sua ideia de negócio de varejo em uma loja de roupas de sucesso.

1. Encontre o seu nicho de negócios.

Encontrar um nicho é um processo importante para iniciar qualquer negócio. Você deseja fornecer um produto ou serviço que existe uma necessidade. Por exemplo, que tipo específico de roupa você venderá em sua loja?

Avalie se o seu mercado levará a uma nova loja de roupas masculinas, femininas ou infantis, ou se você deve vender uma combinação delas.

Então você pode escolher uma especialidade, como roupas vintage para mulheres, itens de design de roupas de boutique, maternidade, roupas esportivas ou acessórios. Você pode até criar sua própria marca de roupas se for designer de moda.

2. Identifique seu público-alvo.

Este passo anda de mãos dadas com encontrar o seu nicho. Você precisa identificar quem vai comprar suas roupas. Que tipo de cliente em potencial você está segmentando e que tipo de roupa eles comprariam?

Você quer atingir aqueles que procuram uma marca de moda sofisticada ou prefere atrair aqueles que procuram roupas mais acessíveis? Identificar seu público-alvo ajudará você a fazer essas escolhas e restringir a identidade da sua marca.

3. Faça uma análise competitiva.

Uma análise competitiva é uma avaliação de seus concorrentes comerciais atuais ou potenciais.

Para realizar um, você deve identificar as outras empresas do seu mercado que atualmente oferecem um produto semelhante ao seu, e então analisar como seus produtos estão posicionados.

Os resultados de uma análise da concorrência ajudam você a conhecer as tendências atuais do mercado, preços de produtos, saturação do mercado, melhores práticas do setor, lacunas de mercado e oportunidades de negócios.

Embora uma análise de concorrentes seja uma necessidade quando você inicia seu negócio, ela também deve ser realizada rotineiramente durante todo o ciclo de vida do negócio para aumentar sua inteligência competitiva.

4. Escreva um plano de negócios.

Embora nem sempre seja legalmente exigido, todo empresário deve escrever um plano de negócios para sua empresa. Um plano de negócios serve como o modelo do seu negócio e ajuda você a ter uma visão completa da missão, visão e viabilidade da sua empresa.

Consulte o  site da Administração de Pequenas Empresas dos EUA  para determinar a estrutura jurídica mais adequada para o seu negócio. 

Você pode incorporar sua empresa on-line ou trabalhar com um advogado para garantir que você tome todas as medidas necessárias. 

Eles irão ajudá-lo a obter um número de identificação fiscal e aconselhá-lo sobre quais licenças comerciais você pode precisar. Você também vai querer procurar obter o seguro de negócios apropriado.

6. Financiamento seguro.

Começar uma loja de roupas não é tarefa barata. Na moda, você precisa gastar dinheiro para ganhar dinheiro. Você provavelmente precisará pedir dinheiro emprestado para financiar seu negócio por meio de um empréstimo para pequenas empresas.

 Você pode considerar trabalhar na indústria da moda ou em uma loja de roupas não apenas para aprender as cordas da indústria, mas também economizar algum dinheiro para financiar sua empresa.

Não subestime a quantidade de capital financeiro que você precisará para começar. Você precisará comprar mercadorias, pagar os funcionários da loja, comprar materiais de marketing e mobiliar a loja com luminárias e iluminação, para citar apenas algumas despesas.

7. Encontre sua vitrine.

Se você está começando uma loja de roupas de tijolo e argamassa, a localização é uma das decisões mais importantes que você terá que tomar.

Você não apenas precisa se comprometer com um local em uma cidade e estado específico, mas também precisa considerar os vários bairros e ruas que trarão tráfego de pedestres e uma grande base de consumidores interessados ​​(e capazes de pagar) por sua mercadoria.

Depois de restringir suas opções de localização, você precisará encontrar o prédio certo.

 Considere vitrines em shopping centers e locais independentes, ou procure em locações de shoppings se for adequado para o seu tipo de loja de roupas.

 Você terá que manter seus números de inventário em mente: quanta metragem quadrada você precisará? O que você pode pagar e quanto custará encher sua loja com mercadorias?

8. Configure sua loja online.

Esteja você abrindo ou não uma loja física, você também desejará criar uma loja de roupas online para vender seus itens. Se você estiver usando apenas o comércio eletrônico para vender sua mercadoria, essa etapa é ainda mais imperativa.

A maioria das startups e pequenas empresas optam por construir seus sites usando o software de criação de sites. Você também pode contratar uma empresa de web design para construí-lo para você, mas esse caminho geralmente é caro.

Quando você procura uma plataforma de criação de sites para criar sua loja de roupas online, é importante encontrar uma que seja acessível, fácil de usar e otimizada para usuários móveis. 

Algumas empresas até oferecem modelos de web design específicos para varejo, o que pode simplificar o processo de construção de lojas de comércio eletrônico. Escolha um software que não apenas suporte a quantidade atual de produtos, mas também escale com seus negócios à medida que você cresce.

Ao configurar sua loja online, use apenas fotos de alta qualidade do seu inventário. Você também vai querer otimizar as fotos para dispositivos móveis.

9. Compre e precifique seu inventário.

Falando em estoque, você vai querer mover o processo para comprar mercadorias de designers ou fabricantes ao mesmo tempo em que se estabelece em um local ou monta sua loja online.

 Para começar, você precisará entrar em contato com os vendedores que carregam as roupas que deseja vender. Uma feira é um dos melhores lugares para comprar mercadorias por atacado para sua empresa de roupas. 

Em feiras, você pode se conectar com fornecedores e ver suas ofertas de produtos em primeira mão.

Ao fazer pedidos, considere a quantidade de estoque necessária ao abrir sua loja pela primeira vez, além do estoque necessário para substituir regularmente os itens vendidos. 

Não se esqueça das tendências sazonais, além dos novos estilos e marcas que se tornaram populares por influência da cultura pop. Você precisará ter uma mistura diversificada de roupas, entendendo que não pode necessariamente satisfazer a todos que passarem pela sua porta.

Ao longo do processo, pesquise a melhor maneira de definir seus preços com base na mercadoria que você está vendendo. Você precisará determinar o valor do markup, entender as técnicas de precificação eficazes para o seu tipo de loja e saber como dar descontos nas mercadorias de maneira eficaz.

10. Estabeleça políticas.

Antecipe problemas ou dúvidas que possam surgir em relação aos funcionários, horário de funcionamento da loja, atendimento ao cliente, prevenção de perdas, danos, devoluções e outras operações do dia-a-dia.

 Considere as melhores práticas de outras lojas estabelecidas e distribua materiais explicando esses procedimentos para todos os novos funcionários (se você contratar algum).

11. Comercialize sua loja.

Quando estiver pronto para abrir suas portas (física ou virtualmente), não tenha medo de contar a todos, de amigos e familiares a todas as suas conexões de mídia social. 

Certifique-se de ter uma mensagem para compartilhar com eles e os motivos pelos quais eles devem comprar em sua nova loja. Você pode considerar realizar uma casa aberta com descontos especiais, brindes e outras vantagens. 

Dê o seu melhor e enfatize o incrível atendimento ao cliente para construir a melhor imagem de marca.

Como a mídia social se tornou um fator importante para o marketing de negócios, você também deseja aproveitar o marketing de mídia social. 

Construa sua estratégia de marca e marketing em plataformas como Facebook, Instagram, Twitter e YouTube para se manter conectado ao seu mercado-alvo. Ao postar nas redes sociais, certifique-se de usar as estratégias de fotografia certas para cada plataforma.

Você também pode considerar a incorporação de publicidade física em seu plano de marketing. Anuncie sua loja de roupas em seu jornal local ou revista de estilo de vida, bem como em suas estações de rádio locais.

Mantenha o ritmo ao patrocinar desfiles de moda, vendas de amostras, desfiles, promoções de feriados e outros dias especiais para celebrar seus clientes e dar a eles novos e empolgantes motivos para visitar seu local físico ou loja de roupas online.