Como aumentar a quantidade de liquido seminal,  saiba tudo neste  artigo continue a ler  e verifique mais detalhes.

Acredita-se que o grande volume de sêmen liberado durante a relação sexual caracteriza a masculinidade e a força. No entanto, em primeiro lugar, a produção insuficiente de fluido seminal indica desvios na saúde do sistema reprodutor. Se a razão para a baixa produção de espermatozóides residir em uma determinada patologia, você precisa consultar um médico e fazer um tratamento.

O volume normal de ejaculação é de 2 a 5 ml. Se este indicador for menor que o valor limite, o médico pode diagnosticar o estado de oligospermia. Freqüentemente, é um sinal de diminuição da próstata e da função testicular.

Aqueles que se deparam com esse diagnóstico estão interessados ​​em como aumentar a contagem de espermatozoides. Na maioria dos casos, ajustes de estilo de vida e dieta são suficientes. No entanto, independentemente das razões, se o estado do esperma for motivo de preocupação, você deve consultar o seu médico o mais rápido possível para obter aconselhamento qualificado.

Como aumentar a quantidade de liquido seminal

Como aumentar a quantidade de liquido seminal: Os médicos recomendam como aumentar a quantidade e a qualidade dos espermatozoides com a ajuda de preparações vitamínicas e suplementos dietéticos contendo:

  • a vitamina D em uma quantidade de 0,15 mcg / dia melhora o tônus ​​geral e aumenta a libido;
  • vitamina C (pelo menos 90 mg / dia fortalece os vasos sanguíneos, melhora a circulação sanguínea, aumenta a ereção;
  • a vitamina E (pelo menos 200 mg / dia se a concepção for planejada) ajuda a melhorar a motilidade dos espermatozoides;
  • a vitamina A na quantidade de 1 mg / dia promove a renovação dos espermatozoides e aumento de volume;
  • o ácido fólico, ou vitamina B9 (de 0,4 a 5 mg / dia no planejamento da concepção), tem um efeito positivo na morfologia dos espermatozoides.

A contagem de espermatozoides também é afetada por suplementos contendo os aminoácidos L-arginina, L-carnitina e L-lisina.

Lista de alimentos que melhoram a qualidade do esperma

Legumes, ervas e frutas:

  • Nozes (nozes, amêndoas, castanhas de caju e outras). Eles contêm muito zinco, que é responsável pela produção de esperma e pelos níveis de testosterona. É aconselhável que o homem coma um punhado de nozes diariamente como lanche ou como complemento de vários pratos.
  • Bananas. Eles contêm uma grande quantidade de vitaminas B, magnésio, zinco e vitaminas A e C. No complexo, eles têm um efeito positivo sobre os hormônios e a produção de espermatozóides saudáveis.
  • Alho e ervas. É essa combinação que dá ao corpo do homem a quantidade necessária de vitamina B6, bem como de selênio, um oligoelemento que afeta a estrutura do esperma. Salpicando generosamente seus pratos favoritos com ervas com alho, representantes do sexo forte podem aumentar a libido, melhorar a circulação sanguínea (inclusive no escroto) e regular os níveis de testosterona.
  • Abacate. Ele contém uma grande quantidade de vitamina E, o que aumenta a mobilidade das células reprodutivas masculinas, sua probabilidade de penetração no ovo e fertilização. Como você sabe, os espermatozoides alcançam a célula reprodutiva feminina em cerca de um dia, encontrando muitos obstáculos em seu caminho (ambiente vaginal ácido, tampão mucoso, etc.). Quanto maior a qualidade do fluido seminal, maior será a fertilidade masculina.
  • Espargos. Tem um efeito positivo na saúde dos homens e melhora a qualidade e a quantidade do esperma. Outra vantagem dos aspargos é o aumento da imunidade devido à grande quantidade de vitamina C. Como mostra a prática, resfriados frequentes e principalmente doenças virais com altas temperaturas podem afetar negativamente a composição do sêmen e sua produção. Ao aumentar a resistência do corpo aos vírus, o homem também aumenta a fertilidade, o que é importante para uma futura concepção.
  • Maçãs. Frutas suculentas e ricas em vitaminas ajudam na produção de uma quantidade adequada de esperma.
  • Tomates. O consumo regular de vegetais de qualquer tipo pode melhorar a contagem de espermatozoides. Os tomates são especialmente úteis para homens que fumam ou vivem em uma situação ambiental desfavorável. O licopeno contido na casca do tomate neutraliza os radicais livres e melhora a condição dos pequenos vasos sanguíneos e capilares, o que é importante para a produção de sêmen.
  • Sementes de abóbora. Um produto à base de plantas saboroso e acessível que contém uma grande quantidade de zinco, o que afeta a produção de testosterona. As sementes também contêm uma grande quantidade de vitamina E e ácido ômega-3, que promovem o fluxo sanguíneo ativo para os órgãos genitais e a produção de espermatozoides de boa qualidade. Tem de utilizar este produto de acordo com uma determinada regra, nomeadamente, entre as refeições, sem misturar com outros pratos.
  • Granada. Ele vai ajudar os homens que estão em um estado de estresse crônico, a ter um desejo sexual reduzido e, como resultado, o fluido seminal com espermatozoides defeituosos ou fracos.

Alimentos e produtos de proteína animal para melhorar a qualidade do esperma:

  • As ostras estão no topo da lista . Este marisco tem um efeito positivo multifacetado no corpo dos homens: aumenta a ereção, aumenta o número de espermatozoides ativos, aumenta a testosterona e a atividade sexual. Comer 15 gramas de ostras é o suficiente para garantir uma boa fertilidade.
  • Peixe e marisco vermelhos. Os pratos com eles serão ricos em ácidos não graxos, que melhoram a condição dos vasos sanguíneos, e proteínas – um material de construção do esperma. Você precisa comer peixe pelo menos três vezes por semana, substituindo alimentos gordurosos e pesados ​​com carne por ele.
  • Frango, coelho e vitela. Também é rico em proteínas de que os homens precisam para produzir espermatozoides de qualidade. Você pode complementar o menu de carnes com carne magra e cordeiro jovem.
  • Produtos lácteos . O melhor será queijo duro, queijo cottage caseiro, leite desnatado (se o corpo tolerar bem).
  • Ovos de galinha. Eles contêm não apenas proteínas, mas todas as substâncias necessárias para o corpo de um homem. O consumo regular do produto é benéfico para a produção da quantidade correta de espermatozoides com espermatozoides viáveis. Ao mesmo tempo, não se deve deixar levar uma dieta rica em ovos – eles aumentam os níveis de colesterol, o que prejudica a saúde.

Proteína como parte de uma dieta boa para a produção de espermatozóides saudáveis

Acredita-se que uma dieta rica em proteínas (ou proteínas) pode causar infertilidade. Essa crença infundada surgiu em relação à nutrição de atletas que estão ativamente construindo massa muscular. Nessa categoria de homens, a diminuição da atividade sexual e a incapacidade de conceber são frequentemente observadas, para as quais os médicos encontraram muitas explicações que não estão relacionadas às proteínas. A baixa fertilidade de um atleta pode ser causada por:

  • Alta atividade física.
  • O uso de suplementos esteróides especiais que afetam fortemente os níveis hormonais.
  • Composição proteica desequilibrada da nutrição esportiva, cuja ação visa aumentar a massa muscular, mas pode suprimir a produção de testosterona.

A este respeito, deve-se notar que as proteínas (proteínas) em uma dieta saudável dos homens são necessárias para aumentar a fertilidade. Sem eles, a produção e maturação dos espermatozóides não podem ocorrer normalmente, o que é importante para o homem saber quem, embora para evitar problemas com a concepção.