Da família Rosaceae e nativa da China, o pessegueiro e seus frutos estão entre os mais comercializados no mundo. Esta fruta suculenta não só tem um sabor imbatível e uma aparência vistosa, mas também grandes propriedades benéficas para a saúde.

Seu alto teor de vitaminas A, B1, B2, E, K e C o tornam uma excelente fonte de nutrientes. Além disso, é uma fruta rica em fósforo e potássio.

Você ama pêssegos e está tentando germinar suas sementes, mas não consegue? Não se preocupe, ensinamos como germinar sementes de pêssego, como cultivá-las e também contamos sobre as propriedades medicinais das sementes de pêssego. Vamos lá!

Como plantar semente de pesego

Como plantar semente de pesego
Como plantar semente de pesego

Veja aqui como plantar semente de pesego, para cultivar o pêssego de forma eficaz, é necessário seguir alguns passos que garantem o sucesso, desde a germinação da semente com o método explicado acima, até o plantio e posterior desenvolvimento da planta do pessegueiro. A seguir, apresentamos as etapas que você deve aplicar à carta:

  1. Primeiro, tenha em mente que o substrato deve ser rico em suplementos, ou seja, você pode fertilizá-lo regularmente, por exemplo, regando com húmus de minhoca.
  2. Agora, prepare o terreno onde você vai plantar as sementes de pêssego germinadas, seja em um vaso ou em um espaço grande. Pegue o substrato e encha até 95% do vaso. Se estiver em terra firme, abra um buraco no chão com 10 cm de profundidade e adicione um substrato com húmus de minhoca.
  3. No mesmo terreno, cave pequenos buracos de 5 cm de profundidade, localizados a 6 cm de distância um do outro.
  4. Coloque um caroço de pêssego germinado em cada buraco.
  5. Pegue mais substrato e encha a superfície até que as sementes estejam completamente cobertas.
  6. Regue os caroços de pêssego duas vezes ao dia: uma vez no início da manhã e outra no final da tarde. Nunca faça isso no meio do dia. Boa sorte e aproveite seus pêssegos plantados em casa!

Cultive mais plantas e árvores frutíferas para que você possa desfrutar de todos os benefícios saudáveis ​​da fruta em casa.

Como germinar sementes de pêssego – passo a passo

Para germinar sementes de pêssego, é essencial que você aplique um método bem-sucedido, pois essa espécie de planta requer condições especiais para que suas sementes germinem.

Por isso, damos o passo a passo para que você tenha sucesso na germinação de sementes de pêssego. Claro, tenha em mente que você deve ser paciente, porque o processo é lento.

  1. Primeiro, selecione as sementes dos frutos de pêssego que são mais atraentes aos olhos. Isso lhe dirá que suas sementes são saudáveis.
  2. Mais tarde, pegue as sementes e despeje-as em um recipiente com água e deixe-as lá por 5 horas.
  3. Após o tempo, retire as sementes da tigela e seque-as.
  4. Em seguida, pegue um saco ou recipiente hermético e coloque as sementes dentro. Nele, adicione, além disso, cerca de 100 ml de água.
  5. Feche o recipiente e agite-o várias vezes. Em seguida, você deve abri-lo e escorrer o líquido sem remover as sementes.
  6. Feche novamente o saco ou recipiente hermético e coloque-o na geladeira. Tente mantê-lo entre 1 e 5 graus de temperatura, caso contrário, o processo de germinação da semente de pêssego pode ser retardado.
  7. Deixe as sementes de pêssego dentro do recipiente e na geladeira por um mês e meio.
  8. Decorrido esse tempo, verifique o recipiente, se vir um broto de raiz nas sementes de pêssego, pelo menos um centímetro e meio, você pode retirá-las e plantá-las. Já está!

Cuidados com o pessegueiro

Depois de plantar uma árvore estabelecida, ela deve ser podada para 26 a 30 polegadas, começando com os galhos laterais. Isso ajudará a melhorar a colheita. Ao colher os frutos, você deve garantir que haja frutos deixados na árvore, isso produzirá frutos maiores e com melhor sabor.

Irrigação

Os climas mediterrânicos, onde geralmente crescem os pessegueiros, são caracterizados por um período de escassez de água, especialmente durante a estação em que ocorre o crescimento dos frutos. É por esta razão que regar a árvore é uma parte importante de como plantar pêssegos.

O período mais crítico da irrigação é quando ocorre o endurecimento do caroço e até o início da colheita, onde não deve faltar água, pois há uma competição interna entre o crescimento vegetativo e o fruto.

Fertilização e fertilizante para pêssego

Ao fertilizar pessegueiros, considere fatores como idade da árvore e taxa de crescimento, teste de solo/folha, bem como localização. Como os pessegueiros não produzem frutos nos primeiros dois anos após o plantio, é necessário menos fertilizante do que o necessário para árvores frutíferas maduras.

Indicadores visuais, como descoloração das folhas e crescimento fraco, são sintomas de deficiência de nutrientes. Faça um teste de solo antes de plantar para identificar problemas do solo, como pH, que podem causar certas deficiências de nutrientes.

Os pessegueiros maduros requerem principalmente nitrogênio (N) e potássio (K), os dois nutrientes encontrados em maiores concentrações nos frutos. Por sua vez, o fósforo estimula o desenvolvimento das raízes e é essencial para as árvores jovens.

Use um fertilizante completo, como 16-4-8, 12-6-6, 12-4-8 ou 10-10-10, para os primeiros três anos da árvore.

Em árvores maduras, use os fertilizantes listados acima ou outros fertilizantes N e K, como nitrato de potássio. Cálcio, magnésio e a maioria dos micronutrientes vegetais são usados ​​em quantidades relativamente pequenas.

Portanto, geralmente não é necessário adicionar esses nutrientes, a menos que um teste de solo/folha revele níveis baixos ou deficientes.

Divida as aplicações de adubação fazendo a primeira aplicação entre o início da floração e a queda das pétalas, e a segunda dois meses depois e pós-colheita se algum fruto for colhido.