Meu telefone Android tem um vírus? Ele está infectado com malware ou um aplicativo malicioso? Minhas informações pessoais serão mantidas para resgate? Se você estiver fazendo essas perguntas, aqui estão algumas informações úteis sobre dispositivos Android e aplicativos antivírus que podem ajudá-lo.

Malware é um software malicioso que pode se infiltrar no seu telefone. Escrito com a intenção de causar danos, o malware pode incluir vírus, worms de computador, cavalos de Troia, ransomware e spyware.

Os cibercriminosos podem usar malware para acessar seus dados pessoais e, em alguns casos, usar essas informações confidenciais para cometer roubo de identidade ou fraude.

Vírus são um tipo específico de malware que se infiltra em um computador ou outro dispositivo e seus programas. Um cibercriminoso pode instalar um vírus no seu dispositivo sem o seu conhecimento ou consentimento.

Como tirar o vírus do celular

Como tirar o vírus do celular
Como tirar o vírus do celular

 

O vírus pode então inserir um novo código malicioso em seu dispositivo, que pode monitorar e manipular sua atividade online. como tirar o vírus do celular, continue lendo nosso artigo.

Se você acha que tem malware em seu telefone, é importante impedir que o malware cause mais danos. Aqui estão alguns passos que você pode tomar.

  1. Desligue o telefone e reinicie no modo de segurança. Pressione o botão liga/desliga para acessar as opções de Desligar. A maioria dos telefones Android vem com a opção de reiniciar no modo de segurança. Veja como, de acordo com o Google, embora o modo de segurança possa variar de acordo com o telefone: Pressione o botão liga / desliga do telefone. Quando a animação começar, pressione e segure o botão de diminuir o volume do telefone. Segure até que a animação termine e seu telefone reinicie. Você verá “Modo de segurança” na parte inferior da tela.
  2. Desinstale o aplicativo suspeito. Encontre o aplicativo em Configurações e desinstale ou force o fechamento. Isso pode não remover completamente o malware, mas pode evitar mais danos ao seu dispositivo ou que ele transmita o malware para outros dispositivos em sua rede.
  3. Procure outros aplicativos que você acha que podem estar infectados. Há uma chance de que alguns aplicativos possam ter sido infectados pelo malware. Se você acha que pode identificar esses aplicativos, exclua-os imediatamente.
  4. Instale um aplicativo de segurança móvel robusto em seu telefone.

Dicas para ajudar a proteger seu dispositivo Android contra vírus e outros malwares

Aqui estão sete etapas principais que você pode tomar para ajudar a se proteger contra riscos futuros.

  1. Invista e use um software de segurança robusto para proteger seu dispositivo Android.
  2. Mantenha todos os sistemas operacionais e softwares atualizados com as versões mais recentes.
  3. Não clique em links suspeitos ou desconhecidos em e-mails e mensagens de texto. 
  4. Use senhas fortes e complicadas ou um gerenciador de senhas.
  5. Nunca use conexões Wi-Fi não seguras. Sempre use um VP ao se conectar a uma rede Wi-Fi pública. 
  6. Sempre use proteção de segurança cibernética forte em todos os dispositivos que se conectam à Internet.
  7. Sempre instale aplicativos de fontes confiáveis, como a Google Play Store. Leia as letras miúdas e as permissões nos aplicativos para entender quanto acesso você está dando aos desenvolvedores de aplicativos.

É uma boa ideia não esperar até que seu dispositivo seja infectado. Faça da proteção do seu dispositivo Android uma prioridade. Ter um bom software antivírus que ajude a proteger seus PCs, tablets e outros dispositivos Android pode ajudar a evitar que malwares se espalhem de um dispositivo para outro.

Como verificar se há vírus e outros malwares no seu telefone Android

Uma boa maneira de verificar se há malware no seu telefone Android é executar uma verificação antivírus.

Antes de comprar um software antivírus para o seu telefone, certifique-se de considerar o produto mais abrangente disponível para o seu dispositivo.

Existem muitas opções de software antivírus disponíveis no mercado. Alguns são gratuitos, e alguns são vendidos.

É uma boa ideia fazer sua pesquisa para garantir que o software de segurança em que você investe execute uma verificação completa e não ignore nenhuma vulnerabilidade. Uma verificação incompleta pode dar uma falsa sensação de segurança quando, na verdade, seu dispositivo pode estar vulnerável a ataques cibernéticos.

Tipos de malware de telefone

O malware para Android vem em muitas variedades, cada uma com suas peculiaridades e vetores de entrada preferidos. Aqui estão alguns dos tipos mais comuns de malware para Android:

Spyware

Esse tipo de malware é projetado para coletar informações furtivamente do seu telefone e transmiti-las de volta ao hacker .

Os cibercriminosos disfarçam seus spywares como aplicativos legítimos, que é como eles tentam induzir você a instalá-los. Uma vez instalado, o spyware registra informações, incluindo SMS/mensagens de texto, URLs navegados, atividade do aplicativo, entradas de teclado, nomes de usuário e senhas.

Ransomware

Como o nome indica, o ransomware bloqueia o acesso ao seu dispositivo ou aos seus dados, mantendo-o como refém em troca de uma alta taxa.

Embora a tentação de liberar seu dispositivo e arquivos seja compreensível, você nunca deve pagar a um cibercriminoso de ransomware. Em vez disso, tente remover o ransomware do seu dispositivo Android e restaure um backup anterior.

Vermes

Os worms são o tipo mais agressivo de malware para Android. Projetado para replicar e se espalhar infinitamente , os worms são autônomos e podem operar sem qualquer interação do usuário. Eles geralmente chegam via SMS, MMS ou outra mídia digital.

Cavalos de Troia

Os trojans agem como aplicativos legítimos e infectam seu telefone assim que o aplicativo é instalado. Ao contrário dos worms, os cavalos de Troia precisam de um usuário para instalá-los antes que possam realizar suas ações.

Uma vez ativados, os cavalos de Troia podem instalar malware adicional, desativar outros aplicativos, registrar seus dados pessoais ou bloquear seu telefone por um determinado período de tempo.