No artigo de hoje vai saber mais sobre Deveres da esposa segundo a bíblia, no nosso guia completo.

A Bíblia destaca claramente sobre o papel da esposa no casamento, de como ser virtuosa perante aos olhos do Senhor. Ele deu referência de uma mulher sábia e virtuosa na Bíblia, Sara, mulher de Abraão, ela foi um exemplo para todas as esposas. 1 Pedro 3:6

Gênesis 1:27-28 – Criou Deus o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.

Deus os abençoou e lhes disse: “Sejam férteis e multipliquem-se! Encham e subjuguem a terra! Dominem sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu e sobre todos os animais que se movem pela terra”.

Assim como o homem recebeu de Deus autoridade para dominar todos os animais da terra, a mulher também recebeu o direito de dominar sobre a terra, mas não roubando o papel do homem.

Deveres da esposa segundo a bíblia

Deveres da esposa segundo a bíblia
Deveres da esposa segundo a bíblia

Destacaremos, como primeiro dever da esposa, a responsabilidade de ser uma ajudadora de seu marido, Deveres da esposa segundo a bíblia, uma vez que esta é a primeira menção que o próprio Criador faz acerca de seu papel no matrimônio:

“Disse mais o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma auxiliadora que lhe seja idônea.” (Gênesis 2.18)

Isso não apenas reforça o fato de que a liderança do lar pertence ao homem na condição de cabeça, como também ressalta a importância da mulher no contexto matrimonial.

O papel da esposa segundo a Bíblia, é aquela que edifica a sua casa, conhecida como “mulher virtuosa”, que se veste modestamente, que cuida dos negócios de sua casa e não dá lugar à preguiça, entre outros similares.

Ajudando na tomada de decisões

Embora muitos maridos de “cabeça-dura” não entendam isto, Deus criou a mulher para ajudá-lo em tudo, até no governo do lar – obviamente não usurpando sua autoridade, mas contribuindo com a sugestão de bons conselhos.

Precisamos desenvolver no lar a visão de equipe. Além da própria Trindade (modelo para nós nesta questão), vemos no Novo Testamento que as igrejas eram governadas pelos presbíteros (1 Tm 5.17) que compunham as equipes ministeriais;

Note o aspecto plural quando as Escrituras mencionam os presbíteros e você vai descobrir que ninguém estava no governo de uma igreja sozinho.

Os lugares onde isto parece ter acontecido sempre demonstravam ter distorções (3 Jo 9).

A ESPOSA DEVE SER SUBMISSA A SEU MARIDO

Um dos deveres claramente abordados na Palavra de Deus é o de que a esposa deve submeter-se ao seu marido. E isto envolve mais do que respeito, reflete o entendimento de governo do lar e da cadeia de comando estabelecida pelo Senhor:

“As mulheres sejam submissas ao seu próprio marido, como ao Senhor; porque o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, sendo este mesmo o salvador do corpo.

Como, porém, a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo submissas ao seu marido.” (Efésios 5.22-24)

A MULHER DEVE SER ADMINISTRADORA DO LAR

Nesta parceria do casamento temos o homem como cabeça e a mulher como sua ajudadora. Isto significa não apenas o auxilio da esposa por meio de conselhos, como também envolve distribuição de tarefas a cada um dos cônjuges.

O fato do homem ser o responsável pelas decisões não significa que ele tenha que centralizar as tarefas. Algumas delas são claramente designadas às mulheres. Por exemplo, de quem é a responsabilidade de administrar o lar?

A Bíblia refere-se às mulheres como “donas de casa”; encontramos este tipo de afirmação tanto no Antigo Testamento como no Novo Testamento.

A viúva que hospedou Elias foi chamada assim (1 Re 17.17) e na epístola de Paulo a Tito, as mulheres, de forma generalizada também são assim denominadas (Tt 2.5). Isto não quer dizer que a casa seja só delas, mas que o dever e a responsabilidade do cuidado e condução do lar (com suas tarefas) pertence à esposa.

Sobre como a esposa deve tratar o marido?

Começando pelo respeito, ajudá-lo sempre que precisar, ouvir os conselhos dele e não murmurar, ser uma boa auxiliadora, compreensiva, sendo atenciosa a família, ter companheirismo, amando e  respeitando cuidadosamente, estando sempre presente para ajudá-lo nos momentos difíceis.

A união de um casal é bastante importante, pois, se um cair, tem o outro para ajudar a se levantar.

Alguns deveres da esposa no casamento é muito comum de se saber, pois a boa esposa é aquela que cuida da limpeza da casa.

Ela também é a responsável por cuidar de outros deveres no lar, como cozinhar, dar banho nas crianças, lavar roupas e passar, entre outras atividades.

No entanto, se a esposa também trabalha fora e não tem uma ajudante em casa, as atividades no lar devem ser divididas entre ela e o esposo.

A  visão de fé para a esposa, é ser uma mulher virtuosa, sendo de bom exemplo para sua família. A esposa não pode roubar a liderança de seu marido, pois pode trazer alguns problemas em casa.

Se perguntar qual o papel da esposa no lar: seu papel é incentivar e auxiliar o marido, cumprir o teu papel na família. Não é certo a esposa fazer o papel de seu marido e nem o marido fazer o papel de sua esposa, cada um deve assumir o seu papel.

A Bíblia nos mostra um exemplo de mulher virtuosa, por nome de “Sara”, esposa de Abraão. Se uma mulher cristã, casada, não assumir o seu papel segundo a Bíblia, não é temente a Deus, além disso, estará difamando também o Senhor.

Esposa nenhuma deve deixar de seguir o seu marido para querer ficar com pai e mãe, e, este é um dos problemas que afetam muitos casamentos.

A própria Bíblia revela, em Gênesis 2:24-25, que o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e eles se tornarão uma só carne.

Da mesma forma, a mulher deixará pai e mãe para se unir com seu marido, ou seja, a esposa deve seguir o seu marido e, além disso, a esposa deve obediência ao marido, pois a submissão da esposa ao marido é muito importante (Efésios 5:33).

Abaixo, destacamos alguns versículos bíblicos de como deve ser uma verdadeira mulher virtuosa segundo a vontade de Deus. Acompanhe:

Versículos sobre o papel da esposa

Provérbios 31:10-20 – “Uma esposa exemplar; feliz quem a encontrar! É muito mais valiosa que os rubis. Seu marido tem plena confiança nela e nunca lhe falta coisa alguma. Ela só lhe faz o bem, e nunca o mal.

Todos os dias da sua vida. Escolhe a lã e o linho e com prazer trabalha com as mãos. Como os navios mercantes, ela traz de longe as suas provisões.

Antes de clarear o dia ela se levanta, prepara comida para todos os de casa e dá tarefas às suas servas. Ela avalia um campo e o compra;
com o que ganha planta uma vinha.

Entrega-se com vontade ao seu trabalho; seus braços são fortes e vigorosos. Administra bem o seu comércio lucrativo, e a sua lâmpada fica acesa durante a noite.

Acolhe os necessitadose estende as mãos aos pobres”.

Provérbios 12:4 – “A mulher exemplar é a coroa do seu marido, mas a de comportamento vergonhoso é como câncer em seus ossos”.

Provérbios 14:1 – “A mulher sábia edifica a sua casa, mas com as próprias mãos
a insensata derruba a sua”.

1 Timóteo 2:9 – “Da mesma forma, quero que as mulheres se vistam modestamente, com decência e discrição, não se adornando com tranças e com ouro, nem com pérolas ou com roupas caras”.

Provérbios 31:24-27 – “Ela faz vestes de linho e as vende,
e fornece cintos aos comerciantes. Reveste-se de força e dignidade;
sorri diante do futuro. Fala com sabedoria e ensina com amor. Cuida dos negócios de sua casa e não dá lugar à preguiça”.

1 Pedro 3:7 – “Do mesmo modo vocês, maridos, sejam sábios no convívio com suas mulheres e tratem-nas com honra, como parte mais frágil e co-herdeiras do dom da graça da vida, de forma que não sejam interrompidas as suas orações”.

1 Pedro 3:1-6 – “Do mesmo modo, mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, a fim de que, se ele não obedece à palavra, seja ganho sem palavras, pelo procedimento de sua mulher, observando a conduta honesta e respeitosa de vocês.

A beleza de vocês não deve estar nos enfeites exteriores, como cabelos trançados e joias de ouro ou roupas finas. Ao contrário, esteja no ser interior, que não perece, beleza demonstrada num espírito dócil e tranquilo, o que é de grande valor para Deus.

Pois era assim que também costumavam adornar-se as santas mulheres do passado, cuja esperança estava em Deus. Elas se sujeitavam cada uma a seu marido, como Sara, que obedecia a Abraão e o chamava senhor. Dela vocês serão filhas, se praticarem o bem e não derem lugar ao medo”.

Gênesis 3:16 – À mulher, ele declarou: “Multiplicarei grandemente o seu sofrimento na gravidez; com sofrimento você dará à luz filhos. Seu desejo será para o seu marido, e ele a dominará”.

1 Coríntios 11:11-12 – “No Senhor, todavia, a mulher não é independente do homem nem o homem independente da mulher. Pois, assim como a mulher proveio do homem, também o homem nasce da mulher. Mas tudo provém de Deus”.

Efésios 5:22-24 – “Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor, pois o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, que é o seu corpo, do qual ele é o Salvador. Assim como a igreja está sujeita a Cristo, também as mulheres estejam em tudo sujeitas a seus maridos”.

Tito 2:3-5 – “Semelhantemente, ensine as mulheres mais velhas a serem reverentes na sua maneira de viver, a não serem caluniadoras nem escravizadas a muito vinho, mas a serem capazes de ensinar o que é bom.

Assim, poderão orientar as mulheres mais jovens a amarem seus maridos e seus filhos, a serem prudentes e puras, a estarem ocupadas em casa, e a serem bondosas e sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja difamada”.