Muitas pessoas ficam surpresas quando chegam em casa e encontram um lindo gato à sua porta. Em geral, este é um gato de rua pedindo algo. Devido à falta de recursos, eles provavelmente procurarão comida, calor e segurança.

Como a vida nas ruas apresenta muitos perigos e desafios à sua sobrevivência, eles podem ter que arriscar em você.

Existem também algumas teorias místicas que interpretam este fenômeno como um sinal de boa sorte e fortuna para os membros desta família. No entanto, as preocupações práticas são as mais importantes a serem consideradas.

Quando um gato aparece na sua vida

Quando um gato aparece na sua vida
Quando um gato aparece na sua vida

Saiba o que significa quando um gato aparece na sua vida, muitas crenças supersticiosas afirmam que os gatos seriam capazes de perceber boas energias e estariam sempre orientados para casas onde sintam paz, serenidade e vibrações positivas. 

Por esta razão, quando um gato quer entrar na sua casa, diz-se popularmente que a sua casa está livre de más energias e transmite a este gato as condições óptimas de que necessita para se sentir seguro e desenvolver tranquilidade e boa saúde. 

Eles também acreditavam que os felinos traziam boa sorte e fortuna para as casas onde escolhiam morar.

Por outro lado, as teorias esotéricas acreditam que os gatos são animais místicos, donos de um “sexto sentido” afiado que lhes permite desenvolver certas habilidades sobrenaturais. 

Entre eles, estaria essa capacidade de absorver e afastar as más energias dos ambientes. Segundo o misticismo, quando um gato quer entrar em sua casa é porque tem uma missão a cumprir em sua vida.

 Esta missão seria remover a negatividade do seu ambiente e protegê-lo dos espíritos malignos. Por esta razão, em muitos países os gatos ainda são adorados como uma espécie de talismã espiritual.

Não há base científica para apoiar essas superstições. O que podemos dizer é que os gatos trazem alegria para muitas pessoas ao redor do mundo e qualquer visita pode pelo menos agregar alguma positividade ao seu dia. 

Isso é demonstrado nos muitos benefícios de adotar um gato como um companheiro fiel. 

Embora não possamos provar se os felinos são ou não ímãs de boa sorte, sabemos que nossos gatinhos são capazes de encher nossa casa e nossa vida de alegria, carinho e sentimentos positivos.

O que significa quando um gato ronda sua casa?

Se um gato “pede” para entrar em sua casa ou mia na porta, é muito provável que esteja procurando um porto seguro. Pode ser difícil para um gato de rua encontrar comida, calor e condições ideais para seu desenvolvimento.

Se este gato foi abandonado ou nasceu na rua, pode estar com frio, fome, sede ou muito medo. Há muitos perigos na rua que ameaçam sua segurança.

Um gato mendigo pode vê-lo como primeira escolha, mas suas circunstâncias podem levá-lo a sua casa. Por exemplo, se houver mau tempo, eles podem vir à sua casa para procurar abrigo. 

Se eles foram perseguidos por predadores, eles podem vir até você por segurança. Um gato doente pode vir até você, não tendo outra escolha. Por esta última razão, devemos ter cuidado quando um gato vadio chega à sua casa em termos de higiene.

Quando um gato aparece na sua vida

Portanto, se um gato quiser entrar em sua casa, provavelmente só precisa de um refúgio seguro e tranquilo, além de alguns cuidados gerais para se sentir melhor e recuperar seu bem-estar. 

Outra razão pela qual eles podem ficar em sua casa é ver ou não outros gatos. Se você deixar comida para outros animais ou gatos, eles podem ver isso como um recurso adequado. 

Este não é um comportamento novo. De fato, acredita-se agora que os gatos provavelmente se domesticaram por razões semelhantes.

Como saber se um gato é de rua

Antes de saber o que fazer quando um gato de rua entra em sua casa, você precisa saber se é realmente um gato de rua. Primeiro, veja se eles têm colares, etiquetas ou outros sinais óbvios de que pertencem a alguém.

 Embora seja possível, os gatos não tendem a se afastar muito de casa, onde se alimentam e dormem. Por esse motivo, o gato de um vizinho pode ter acabado de chegar à sua casa.

A primeira coisa que você deve fazer é levar o gato a um veterinário. Eles poderão verificar se têm um microchip embutido em sua pele. Nesse caso, os dados do dono do gato devem aparecer e você pode contatá-los. 

Se o gato não tiver um microchip, não significa que não tenha dono. Você precisa colocar cartazes e telas em sua área local para ver se o gato realmente se foi. Você pode amar o gato, mas coloque-se no lugar de um dono de gato desaparecido. 

Eles ficarão de coração partido e você terá a chance de fazer as pazes se devolver o familiar felino a eles.